Skip to main content

O que é HTTPS? Essa pergunta é muito comum. 

Se você tem o costume de observar as coisas, já viu essa sigla antes da URL de algum site que visitou.

Ela é muito usada na internet, e indica que aquele site é seguro, tornando sua navegação mais tranquila e sem riscos.

O que ela significa? Por que garante a segurança de um site? Entenda mais neste post e veja porque é tão importante se atentar aos domínios que apresentam o HTTPS antes da URL.

O que é HTTPS?

Primeiro, a sigla HTTPS nada mais é do que o protocolo de transferência de hipertexto seguro, ou hypertext transfer protocol secure, em inglês.

É uma versão melhor que o HTTP, pois é criptografado pelo Transport Layer Security (TLS). 

Por que ele existe? Essa sigla é, na verdade, um protocolo que permite ao seu computador trocar informações com determinado servidor que possui um site abrigado.

Esse conjunto de regras do HTTPS permite que, depois do computador e hospedagem estarem conectados, tenham liberdade na troca de conteúdos em forma de texto, agora de forma segura.

Antes, a sigla era HTTP, e não tinha esse adicional de segurança. Por isso, começou a ficar ineficiente contra as práticas de phishing, fraudes eletrônicas, hackers e mais.

Sendo assim, o HTTPS foi adicionado no desenvolvimento de sites, como uma forma de identificar a segurança desses ambientes, dificultando ataques cibernéticos.

Para que o HTTPS serve?

Com novas tecnologias, começam a surgir novos problemas. Antes do uso massivo do Wi-Fi, e das novas formas de acessar a internet, a quantidade de pessoas e servidores era menor. 

Sendo assim, o HTTP já era suficiente para permitir a navegação em qualquer site. Porém, a quantidade de crimes cibernéticos cresceu exponencialmente, tornando a internet um lugar perigoso.

Por conta disso, surgiu a necessidade de tornar os sites mais seguros e bloqueá-los contra criminosos que costumam roubar dados, hackear acessos e até mesmo se passar por outras pessoas.

Desse modo, com a segurança extra do HTTPS, esses crimes tendem a cair.

O que acontece caso o site não seja seguro?

Agora que você sabe o que é HTTPS, pode estar com dúvida sobre o que acontece quando um site não conta com essa segurança. 

Primeiro, perde-se a credibilidade, pois as pessoas conseguem ver facilmente se há HTTP ou HTTPS. Além disso, os navegadores informam, dependendo do caso, se aquela conexão não for segura.

Um site que, não possui essa proteção extra, está mais exposto a sofrer golpes e ataques cibernéticos.

Coloca em xeque os dados dos seus usuários. Principalmente, se for um site de e-commerce, já que a captação de dados bancários é um verdadeiro chamariz para criminosos.

Sendo assim, por que não investir nessa segurança extra? Tornar a internet mais segura é um dever diário!
Agora que você sabe o que é HTTPS, continue em nosso blog e saiba se o seu site pode ser hackeado.

Deixe uma Resposta

× Como posso te ajudar?